‘Playboy’ vende obras de arte e fotos eróticas em Leilão em NY

foto-de-marilyn-monroe-e-brigitte-bardot

A revista “Playboy” promoveu nesta quarta-feira (8) um leilão histórico de parte de sua coleção de obras de arte e fotografias, que teve como principal destaque a pintura “Mouth 8” (1966), do artista americano Tom Wesselmann, vendida por US$ 1.874.500.

Os sedutores lábios vermelhos da obra – pintados em óleo e acrílico pelo artista do movimento do Pop Art e conhecido por seus impactantes nus femininos – não chegaram a atingir, no entanto, o preço especulado previamente, que se situava entre US$ 2 milhões e US$ 3 milhões.

Intitulado “The year of the rabbit” (O ano do coelho) – em homenagem ao logotipo da “Playboy”, criado pelo artista Art Paul -, o leilão ofereceu numerosas obras de arte e fotografias de nus de algumas das mulheres mais famosas e desejadas das últimas décadas, expostas na revista fundada por Hugh Hefner em 1953.

Entre as peças de destaque, realizado na casa de leilões Christie’s, em Nova York, estava também a famosa pintura “Playmate”, elaborada em 1966 pelo espanhol Salvador Dalí (1904-1989) a pedido da revista. A obra acabou sendo vendida por US$ 266.500, superando as expectativas que giravam entre US$ 100 mil e US$ 150 mil.

“Playmate” foi incluída na edição de janeiro de 1967 da revista e estava pendurada até pouco tempo atrás no quarto de Hefner, na conhecida Mansão Playboy, em Beverly Hills, Califórnia.

A “Playboy” começou a circular em 1953 com um dos mitos eróticos do século XX e uma das principais protagonistas deste leilão: Marilyn Monroe (1926-1962). Entre as várias fotografias leiloadas da musa loira, destacou-se a imagem na qual Marilyn cumprimenta o público durante sua participação como madrinha do desfile da Miss América em 1952, capa do primeiro número da “Playboy”.

A imagem foi vendida por US$ 14 mil.

Brigitte Bardot, outro emblema feminino da sétima arte e musa da França nos anos 50 e 60, também foi centro das atenções dos compradores. A coleção ofereceu um retrato de corpo inteiro no qual a atriz, vestida apenas de calcinha, cobre os seios com as mãos e seus longos cabelos loiros.

A foto, que estampou a capa de março de 1958 da “Playboy”, foi vendida por US$ 23.750, superando todas as expectativas, estimadas entre US$ 4 mil e US$ 6 mil.

Ao todo, o valor total das obras leiloadas na Christie’s passou dos US$ 2,9 milhões.

fonte: EFE


Tags: , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...


Enviar postagem por email Enviar postagem por email