Premiação na III Semana de Ciência e Tecnologia

Mais de 250 eventos, realizados entre abril e novembro de 2008, em mais de 30 municípios, por mais de 60 instituições. Esse é o balanço da III Semana Potiguar de Ciência e Tecnologia, coordenada pela Fapern, cuja solenidade de encerramento será no próximo dia 27, às 9h, no Auditório Angélica Moura, na Secretaria de Educação e Cultura, Centro Administrativo, em Natal.

Na oportunidade, serão entregues os prêmios aos ganhadores do Prêmio de Iniciação Científica, nas categorias Augusto Severo e Leopoldo Nelson e conferidas medalhas e certificados aos alunos melhor classificados nas Olimpíadas Coordenadas no Rio Grande do Norte nas modalidades matemática, física, química e informática.

A Revista Ciência Sempre nº 8, que traz um relatório da Semana Potiguar de Ciência e Tecnologia 2007 será lançada na mesma data.

O aumento de instituições participantes e das atividades realizadas em relação à edição do ano passado foram os principais avanços da SPCT 2008, na opinião da coordenadora do evento, Lucina Guerra. Ela aponta como ganho social para o fomento à divulgação científica, o fato da Fapern ter estimulado as instituições potiguares a cadastrarem suas atividades no sistema da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, realizada pelo departamento de Difusão e Popularização da Ciência do Ministério da Ciência e Tecnologia.

Para Lucina, no entanto, a maior dificuldade da SPCT é a adesão das escolas a participarem da programação. “Tanto os prêmios de iniciação científica, quanto as visitas guiadas dos alunos às instituições de C&T, organizadas pela Fapern poderiam ter maior participação das escolas”, afirma. Segundo a coordenadora da SPCT, para a próxima edição, a Fapern fará um trabalho mais direcionado no apoio à realização de trabalhos científicos no nível do ensino fundamental e médio.

Aos alunos classificados em 1º, 2º e 3º lugares na categoria Augusto Severo (Ensino Médio), serão oferecidas bolsas de R$ 100, durante 12 meses, totalizando R$ 1,2 mil. Na categoria Leopoldo Nelson (Ensino Fundamental II), o prêmio para os três melhor colocados será um micro-computador. Os seis professores-orientadores dos projetos ganhadores receberão o valor correspondente a três salários mínimos (R$ 1.245) cada um.

Fonte: diariodenatal


Tags: , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email