Médico nega que Mubarak esteja em coma

mubarak

O diretor da equipe médica que cuida do ex-presidente egípcio Hosni Mubarak, de 83 anos, negou neste domingo (17) que o ex-ditador esteja em coma, como informou mais cedo seu advogado, Farid el Deeb. O ditador deixou o poder em fevereiro deste ano após uma revolta popular.

O advogado declarou que Mubarak “está muito mal” e “está morrendo”. O defensor se dirigia ao aeroporto internacional do Cairo para viajar para Sharm el-Sheikh, no leste do país, onde o ex-governante está internado em um hospital.

A TV estatal do país divulgou que o diretor do hospital, Assem Azzam, nega a informação.

Outra fonte da área médica disse à agência de notícias Reuters que Mubarak entrou em coma momentaneamente, mas seu estado geral é estável. Sua saúde tem sido objeto de especulação frequente na mídia egípcia, com a aproximação de seu julgamento no dia 3 de agosto.

O ex-governante está internado no centro médico desde 12 de abril, quando sofreu um ataque de coração durante um interrogatório judicial.

Mubarak e os dois filhos, Alaa e Gamal, são acusados de abuso de poder e enriquecimento ilícito, assim como de estar envolvidos nos ataques contra os manifestantes durante a revolta popular que começou no dia 25 de janeiro e terminou com a renúncia do presidente, em 11 de fevereiro.

Ele está detido desde 13 de abrill e o julgamento está previsto para ocorrer dentro de duas semanas.

Mubarak passou por uma cirurgia da vesícula biliar na Alemanha, em março de 2010, mas havia se recuperado completamente. No governo, seus funcionários desmentiam rotineiramente relatos sobre seus problemas de saúde.

fonte: G1, com agências internacionais


Tags: , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email