Twitteiros fazem campanha contra Ricardo Teixeira

A três dias do sorteio das Eliminatórias da Copa de 2014, no Rio, uma campanha contra Ricardo Teixeira, presidente da CBF e do comitê organizador do Mundial, mobiliza milhares de pessoas no Twitter nesta quarta-feira. O “twittaço” foi organizado pelo site “Fora Ricardo Teixeira”, criado na última semana.

ricardo-teixeira

Os internautas paulistas foram os que mais aderiram ao movimento. A hashtag #caiforaricardoteixeira alcançou a liderança nos trending topics (assuntos mais comentados no microblog) do Brasil e de São Paulo. No Rio, a hashtag não figura nem entre os dez primeiros. As outras cidades brasileiras não são alvo de medição do Twitter.

O protesto teve início a partir da virada de terça para quarta-feira e inicialmente estimulava os internautas a proliferarem a hashtag #foraricardoteixeira. O termo chegou a entrar nos trending topincs do mundo, antes de sumir subitamente da lista de assuntos mais discutidos. Segundo alguns usuários do microblog, o Twitter teria retirado o #foraricardoteixeira dos trending topics por ter considerado a campanha um “spam”.

Por volta das 14h30, os internautas reagiram e criaram novos termos para driblar a “censura” do microblog, como #caiforaricardoteixeira, #foraoficial e #adeusrt. O primeiro termo foi o que ganhou mais força.

MARCHA CONTRA TEIXEIRA

Ainda pelas redes sociais, alguns grupos estão programando uma marcha de protesto contra Teixeira para o próximo sábado durante o sorteio das eliminatórias da Copa de 2014. De acordo com o programado, deverá ocorrer uma concentração no fim da manhã do sábado, no bairro do Largo do Machado, na zona sul do Rio. De lá, a marcha partirá para a Marina da Glória, local onde ocorrerá o sorteio das Eliminatórias.

Fonte:jornalfloripa


Tags: , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email