George Michael volta aos palcos e faz homenagem a Amy Winehouse

george-michael

O astro pop britânico George Michael voltou aos palcos na noite de segunda-feira (22) para uma emotiva apresentação na suntuosa Ópera Estatal de Praga, onde anunciou que se separou do seu parceiro Kenny Goss, com quem manteve um relacionamento amoroso de muitos anos.

Diante de uma plateia lotada, Michael apresentou covers e canções raras, no primeiro dos 195 shows da sua turnê ‘Symphonica’. Foi também sua primeira apresentação desde que deixou a prisão, em outubro passado, após cumprir um mês de pena por causa de um acidente de carro que ele causou sob o efeito de drogas.

Michael claramente se divertiu na companhia da Sinfonia Nacional Tcheca, mas às vezes demonstrou nervosismo no teatro de 123 anos. ‘Não sei o que fazer’, brincou ele com o público, logo no começo.

Homenagem a Amy Winehouse
De terno escuro e com seus habituais óculos de sol, o cantor de 48 anos também prestou um tributo à falecida Amy Winehouse, e chegou quase às lágrimas antes de mergulhar numa melancólica versão de ‘Love is a losing game’.

Ele também demonstrou sua emoção ao revelar que há dois anos e meio não está mais com Goss, num rompimento causado principalmente pelos problemas do parceiro com o alcoolismo.

‘Minhas batalhas com substâncias (tóxicas) estão bem documentadas, e meu parceiro passou por problemas similares com a bebida’, disse Michael ao apresentar uma canção inspirada na separação, de nome ‘Where I hope you are’ (‘onde eu espero que você esteja’).

‘A verdade é que a minha vida amorosa tem sido mais turbulenta do que eu revelo. Esta é provavelmente a primeira canção de rompimento que eu já escrevi’, afirmou.

Um ponto alto da noite foi um cover de ‘Let her down easy’, de Terence Trent D’Arby, que Michael apresentou fazendo uma crítica ao tratamento dado pela indústria fonográfica a esse cantor.

Muitos fãs esperavam que Michael apresentasse seus grandes sucessos, mas ele se ateve a versões bem simples de canções menos conhecidas e covers, como ‘Roxanne’, do Police, ou uma gritada ‘Feeling good’, de Nina Simone.

Mas Michael finalmente cedeu no bis, quando pôs a plateia para cantar e dançar no corredor com um medley que incluiu ‘Amazing’, ‘Freedom’ e ‘I’m your man’. ‘Vocês merecem um momento para cantar junto’, disse ele antes de entrar no repertório mais conhecido.

fonte: Reuters


Tags: , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email