Cientistas encontram penas de dinossauros e avez em árvore

pena-dinossauro

Penas com aproximadamente 80 milhões de anos que seriam de dinossauros e aves foram encontradas bem conservadas em rezinas de árvores fossilizadas no Canadá. A descoberta foi feita por paleontólogos canadenses, que divulgaram as informações nesta quinta-feira (15). Com as amostras encontradas os cientistas conseguiram perceber que as plumagens encontradas tinham um conjunto de funções tanto para os dinossauros quanto para as aves. A variedade das penas comprova que a evolução das plumas estava presente na época final do Cretáceo.

O artigo descrevendo a descoberta deve ser publicado na edição desta sexta-feira (16) da revista científica Science, no qual será explicado como o âmbar encontrado com 11 penas diferentes conseguiu preservar características microscópicas da evidência evolutiva. Detalhes como as cores, por exemplo, foram identificados, sendo que a coloração varia do preto ao marrom. Os pesquisadores também identificaram que as penas fizeram parte de dinossauros não aviários, mas existem aves atuais que mostram plumagem parecida com a encontrada.

O âmbar foi encontrado na região do Lago Grassy, mas os fósseis dos dinossauros e aves que teriam tido as plumas não estavam no mesmo local. A comparação feita com plumas encontradas nas rochas já mostrou que a plumagem encontrada pode ter sido de espécies como pequenos terópodes, dinossauros carnívoros.

De acordo com o líder do estudo, Ryan McKellar, da Universidade de Alberta, “temos penas que parecem com filamentos do tipo dos pêlos, temos estes mesmos filamentos aglutinados em grupos e temos então uma série que é idêntica às das penas dos pássaros modernos”.

fonte: noticiasbr


Tags: , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email