Sebatian Vettel se torna bicampeão de Fórmula 1 e tem números semelhantes à Ayrton Senna e Michael Shumacher

Mais jovem da história a se tornar bicampeão de Fórmula 1 – com 24 anos, 3 meses e 6 dias – Sebastian Vettel talvez já seja o talento mais precoce a surgir na categoria. Em seu quinto ano de carreira, além dos dois títulos, Vettel já detém 19 vitórias, 27 poles e sete melhores voltas, marcas parecidas às obtidas por duas lendas da F-1 no mesmo número de temporadas: Ayrton Senna e Michael Schumacher. Se permanecer neste ritmo, o alemão poderá, em breve, até bater os números dos dois.

vettel-bicampeao

Em sua quinta temporada na F-1, em 1988, Senna conquistou seu primeiro título com a McLaren. Nesse período, o brasileiro havia vencido 14 corridas, cinco a menos que Vettel. Por outro lado, Ayrton fica a frente do jovem alemão em quantidade de melhores voltas (10 x 7) e número de poles (29 x 27). Apesar de perder para Senna na comparação de pole positions, o número de vezes que o alemão largou na primeira posição do grid na carreira impressiona, já que Senna é considerado, inclusive pelo próprio Vettel, o melhor de todos os tempos em treinos classificatórios.

– O mais impressionante, e provavelmente sempre será, é Ayrton Senna. A quantidade de poles que ele marcou durante um ano e, depois, por três ou quatro anos consecutivos, acho que é a real referência – disse o piloto recentemente.

Considerado como herói para Vettel, Schumacher, assim como o piloto da RBR, tornou-se bicampeão em sua quinta temporada, com a Benetton, em 1995. Em cinco anos de carreira, Schumi havia vencido 19 corridas, mesma quantidade de Vettel atualmente. Já em número de poles, o mestre perde feio para o pupilo: 27 a 10 para o jovem alemão. Entretanto, o heptasupera o compatriota com folga quando o quesito é quantidade de melhores voltas: 23 a sete.

Vettel tem Schumacher como ídolo e os dois disputaram a Corrida dos Campeões (Foto: Getty Images)
Se levarmos em consideração os números de Senna e Schumacher com a mesma idade em que Vettel conquistou seu segundo título, fica evidente a precocidade do jovem alemão. Com os mesmos 24 anos, 3 meses e 6 dias, Ayrton havia acabado de estrear na F-1. Tinha disputado apenas sete corridas com a Toleman, porém, já possuía uma melhor volta no currículo, em Mônaco, 1984. Já Schumacher, nessa idade, entrava em sua terceira temporada na categoria. Nesse período, o maior campeão da história já havia conquistado sua primeira vitória, na Bélgica (1992), além de três melhores voltas.

Além de ser o mais jovem bicampeão, Vettel detém outros recordes de idade. Ele é também o mais novo a conquistar um título, a vencer uma corrida, a conseguir uma pole, a subir no pódio, a marcar pontos e a liderar uma corrida.


Tags: , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email