Vice-presidente da Record diz que a Rede Globo escondeu o Brasil por orgulho

O vice-presidente artístico e de programação da Record, Honorilton Gonçalves, questionou a reação da TV Globo durante o Pan-Americano de Guadalajara. Em entrevista ao UOL, Gonçalves afirmou que a postura adotada pela emissora concorrente, que optou por não dar destaque ao evento, foi um ato de “puro orgulho”.

globo-pan-2011

– Infelizmente, quem saiu prejudicado foi o público que assiste à Globo. A Globo não escondeu o Pan, ela escondeu o Brasil. Como uma emissora do tamanho da Globo praticamente ignora o talento e o esforço dos nossos atletas, as conquistas das medalhas de ouro, os recordes pan-americanos, o hino nacional? Tudo foi simplesmente omitido pela Globo por puro orgulho.

Para Gonçalves, a emissora carioca ter ignorado a competição foi um desrespeito aos telespectadores.

– Em 2007, a Globo mobilizou centenas de profissionais para exibir o Pan do Rio. Quer dizer que agora, quatro anos depois, o Pan simplesmente deixou de ter importância? Estranho, né? Acho que a postura da Globo com um dos maiores eventos esportivos do mundo foi um desrespeito aos seus telespectadores. Imagino o que mais ela deve esconder nos seus noticiários.

A Globo minimizou a cobertura do Pan-Americano. Em uma das vezes em que o evento foi citado, a emissora usou imagens exclusivas da Record, sem ter os direitos de transmissão. Para Gonçalves, essa falha pode ter sido proposital.

– Se a Globo errou, tudo bem. Quem não erra, não é? Mas o que parece é que a Globo forçou o erro. Todos sabiam que a Record tinha a exclusividade no Brasil. Desde que o Pan começou, distribuímos diariamente para todas as emissoras um resumo de três minutos das imagens dos eventos do dia.

O vice-presidente valorizou a cobertura feita pela Record, que mostrou -direto de Guadalajara, mais que a Globo no Pan do Rio, e apostou em uma valorização dos atletas brasileiros com essa maior exposição.

– O COB e os atletas em geral nunca tiveram uma exposição tão grande, em quantidade de horas com audiências expressivas, como agora no Pan do México. Espero que isso ajude no desenvolvimento do esporte e na busca por mais patrocínios. Queremos o melhor para os nossos atletas, a Record está do lado deles.

Gonçalves considerou extremamente positiva a transmissão do Pan-Americano pela Rede Record, com audiências significativas em todo o país.

– Na final do futebol feminino, por exemplo, chegamos a dar picos de 32 pontos contra 17 da Globo em Brasília e 21 contra 18 deles em São Paulo. É claro que a média geral do evento poderia ter sido maior se optássemos em fazer apenas uma ou duas horas de transmissão no horário nobre, privilegiando os esportes mais populares no Brasil. Mas não olhamos para isso, preferimos investir numa cobertura diferenciada e em dar maior visibilidade aos nossos patrocinadores.

Para ele, o tempo dedicado ao Pan foi o principal diferencial da Record na transmissão. Foram 138 horas no ar, 95 delas ao vivo.

– No último Pan fora do Brasil, em Santo Domingo, na República Dominicana, a Globo exibiu somente 29 minutos de competições. Transmitimos quase 280 vezes mais do que eles. No Pan do Rio, a Globo fez 99 horas. Fizemos aqui em Guadalajara quase 40% a mais do que a Globo exibiu no Pan do seu próprio país. Isso tudo, fora a Record News que exibiu no total 320 horas de Pan.

O Pan de Guadalajara foi transmitido com exclusividade pela Record e Record News, na TV aberta, e pelo R7, na internet.

Fonte:r7


Tags: , , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email