EUA lançam programa para acelerar entrada de brasileiros que viajam a trabalho

mercado-de-trabalho

A Missão Diplomática dos Estados Unidos no Brasil anunciou nesta segunda-feira, 26, a abertura para o Brasil do programa Global Entry, para facilitar a passagem pela imigração nos Estados Unidos de brasileiros que viajem a trabalho.

O programa possibilita uma ‘aprovação prévia’ do viajante antes do embarque, para que ele evite a fila de controle de passaporte.

De acordo com o Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, o Global Entry atende atualmente cidadãos norte-americanos, holandeses e mexicanos.

O anúncio foi feito hoje pela Diplomática dos Estados Unidos no Brasil em evento na Câmara Americana de Comércio Brasil-Estados Unidos (Amcham). Para que o projeto-piloto entre em vigor, é necessária a aprovação do governo brasileiro. ‘O programa faz parte dos esforços do governo norte-americano para facilitar viagens de brasileiros aos Estados Unidos’, afirma o consulado, em nota.

Para gozar do benefício, o viajante precisa já ter o visto dos Estados Unidos. Ele, então, pode se cadastrar no Sistema Global Online de Inscrição (GOES, na sigla em inglês) pelo site https://goes-app.cbp.dhs.gov/main/goes e pagar uma taxa de US$ 100.

Para ser aprovado, o candidato terá de passar por uma análise de seus dados e uma entrevista. Segundo o consulado, a taxa não será restituída mesmo que a solicitação seja negada.

Uma vez aprovado no Global Entry, o passageiro pode evitar a fila de controle de passaportes e procurar quiosques automatizados nos aeroportos norte-americanos, localizados antes da área de imigração. Nesses locais, são checados passaporte, digitais e declaração à alfândega. O sistema, então, emite um recibo e libera o passageiro para recolher sua bagagem.

Após aprovação do governo brasileiro para entrar em operação, o projeto-piloto deverá beneficiar inicialmente 150 brasileiros. Os testes devem ser implementados por, no mínimo, um ano e, se aprovado, o Global Entry pode ser estendido a 1,5 mil pessoas.

fonte: Wladimir D’Andrade, da Agência Estado


Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email