Após fazer participação em um clipe, Neymar pode ter que prestar depoimento por racismo

neymar-alexandre-pires-clipe

Por causa de sua participação no clipe da música “Kong”, do cantor Alexandre Pires, Neymar deve ter de prestar um depoimento ao Ministério Público Federal (MPF). No vídeo, o atacante do Santos aparece vestido com uma roupa de gorila.

No dia 26 de abril, a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), ligada à Presidência da República, fez uma denúncia ao MPF contra Alexandre Pires.

O ouvidor Carlos Alberto Silva Júnior escreveu em sua denúncia que o clipe apresenta os negros na “condição de ser inferior”, que “não se desenvolveu a ponto de se tornar ser humano”.

Alexandre Pires já prestou esclarecimentos, na sede do MPF de Uberlândia, cidade mineira onde mora.

Além do cantor e de Neymar, o funkeiro Mr. Catra também participa do vídeo vestido como gorila. Para o ouvidor, o fato de serem negros não ameniza o preconceito do clipe.

“Não entendo como ídolos que conseguiram superar suas condições sociais se prestam a um papel desses” escreveu.

O comentarista da rádio CBN Carlos Eduardo Éboli não considerou a imagem de Neymar, Alexandre e Mr. Catra vestidos de gorilas como racismo.

– É uma brincadeira. Para mim, não faz sentido. São dois cantores negros com um jogador negro. E todos levam na brincadeira. Foi um exagero – disse, no “Redação SporTV”.

fonte: SporTV.com


Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email