Greve da Anvisa provoca fila de navios no Porto de Santos

greve-anvisa

A greve dos funcionários da Anvisa provoca uma fila de navios no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. Mais de 80 embarcações ficaram paradas na barra nesta terça-feira (28).

A quantidade está acima do esperado para um dia normal, quando fica em torno de 60 navios. Eles aguardavam a liberação para atracar no Porto de Santos.

O maior problema está na área da saúde. Em alguns farmácias da cidade há falta de medicamentos importados. O Hospital Beneficência Portuguesa de Santos, oito leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estão fechados.

Eles já deveriam ter sido inaugurados mas, isso não aconteceu porque os monitores cardíacos importados ainda não foi liberados pela Anvisa e não chegaram no hospital.

O diretor técnico do hospital, Mario Cardoso diz o hospital estava preparado para inaugurar as novas instalações mas a greve “Eu já tinha equipes montadas e contratadas para começarem a funcionar no dia 22. Não começaram e eu não sei precisar quando vai começar porque o fornecedor me diz que isso está retido no Porto de Vitória” explica.

Alguns materiais utilizados em cirurgia também não chegaram nos hospitais. Os médicos estão usando produtos similares ou outras técnicas para que as cirurgias não sejam canceladas.

No Hemocentro de Santos, onde é feita a coleta de sangue, além do baixo índice de doadores, há falta de bolsas para armazenar o material. O hospital foi obrigado a pedir bolsas emprestadas para repor o estoque.

fonte: G1


Tags: , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email