PIB dos EUA tem a maior queda em sete anos

O PIB (Produto Interno Bruto) dos Estados Unidos caiu 0,3% no terceiro trimestre deste ano, em taxa anualizada, na maior queda em sete anos, informou nesta quinta-feira o Departamento do Comércio americano.

Muitos analistas esperavam uma retração um pouco maior do PIB, em torno de 0,5%. O dado é preliminar e passará por duas revisões. No segundo trimestre, a economia americana havia crescido 2,8%.

A despesa dos consumidores, que nos EUA representa mais de dois terços do PIB, caiu 3,1%, sendo a primeira redução em 17 anos e a maior em 28 anos. O investimento empresarial reduziu 1%, após a alta de 2,5% no segundo trimestre, marcando a primeira queda desde o fim de 2006.

O relatório oficial mostrou, ainda, que as vendas finais domésticas caíram 1,8%. A renda ajustada pela inflação, e depois do pagamento de impostos, caiu nesse trimestre 8,7%, a maior diminuição trimestral desde 1947, acrescentou o relatório.

O mercado se animou com a divulgação da primeira prévia do Produto Interno Bruto (PIB) norte-americano, enquanto que o esperado era de queda de 0,5%.

Entre as ações com maior peso na carteira teórica (que vigora de 1° de setembro a 30 de dezembro), Petrobras PN (PETR4) subia 3,64%, para R$ 22,18; Vale PNA (VALE5) avançava 4,34%, a R$ 24,52; BM&FBovespa ON (BVMF3) operava em alta de 9,52%, a R$ 5,75; Bradesco PN (BBDC4) registrava valorização de 8,06%, a R$ 24,91; e Vale ON (VALE3) ganhava 4,85%, a R$ 27,20.


Tags: , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email