Éramos obrigados a assistir decapitações, diz jovem que fugiu do Estado Islâmico

meninos relatam treinamento do islam

meninos relatam treinamento do islam

Em entrevista à BBC, Mohammed e Ahmed deram detalhes sobre treinamento militar que receberam de grupo extremista

Crianças são uma prioridade para o grupo extremista conhecido como Estado Islâmico, que controla partes do território do Iraque e da Síria. Desde muito jovens, elas recebem treinamento militar segundo a Lei Islâmica, a Sharia.

A BBC conversou com Mohammed, de oito anos, e Ahmed, de dez anos.

Eles fugiram da Síria e relembraram os momentos angustiantes que passaram junto a combatentes do Estado Islâmico. Segundo os meninos, o treinamento envolvia assistir a decapitações. “Eles não se importam se vamos viver ou morrer”, afirmou Ahmed.

“É uma lavagem cerebral”, diz Ahmed. O objetivo, de acordo com eles, é radicalizar as crianças, de modo que elas possam se tornar futuros combatentes do grupo extremista.

Fonte: Último Segundo/Mundo/BBC Brasil


Tags: , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email