“Foi uma covardia o que fizeram”, diz vizinha de menino morto por PMs em SP

"Foi uma covardia o que fizeram", diz vizinha de menino morto por PMs em SP

“Foi uma covardia o que fizeram”, diz vizinha de menino morto por PMs em SP

Corpo da criança foi enterrado neste sábado (4); indignada, amiga da família disse que menino nunca teve acesso a armas

vizinha e amiga da família do menino de 10 anos morto por policiais militares na última quinta-feira (2), em São Paulo, diz que a versão oficial da história – que diz que a criança e um colega de 11 anos atiraram contra os policiais depois de furtar um carro – está “mal contada”.

“Se ele estivesse armado, renderia a mulher do prédio”, diz Sidinai Santos Batista, que participou do velório do jovem no Cemitério São Luís neste sábado (4), na zona sul da capital paulista. “Foi uma covardia o que fizeram. Essa história está muito mal contada”.

Ela disse ainda que o menino nunca teve acesso a armas. “Vi ele crescendo. Era uma criança normal, como todas as outras. Estudava, jogava futebol, ficava brincando. Não dá para entender essa situação”.
A mulher avaliou que o fim trágico do menino aconteceu por causa das más influências. “A família lutou para esse menino não dar trabalho, mas infelizmente ele não quis. Andou com as pessoas erradas e acabou no que acabou. Ele estudava, estava na quarta série. Engraxava sapatos no aeroporto de Congonhas para levar uns trocados para casa”, disse.

Fonte: Último Segundo/Brasil/Estadão


Tags: , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email