Crescimento das vendas caem no período de natal

Sem a fartura de crédito disponível até setembro e preocupado com os desdobramentos da crise em 2009, o consumidor brasileiro pisou no freio no final do ano, em uma indicação do que poderá ser a economia doméstica no ano que se avizinha.

Presentes

Os números divulgados hoje por entidades representativas do comércio varejista mostram que as vendas de Natal tiveram desaceleração bem superior à que é esperada até agora para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2009.

Segundo estimativas do Banco Central (BC), o crescimento do PIB brasileiro deve recuar de 5,6% neste ano para 3,2% em 2009. O governo, por sua vez, trabalha com a meta 4%, enquanto o mercado aposta em uma expansão mais discreta, de 2,4%.

De qualquer forma, as vendas de Natal mostraram desaceleração bem mais acentuada quando comparadas ao que ocorreu em 2007.

Segundo a Associação Brasileira dos Lojistas de Shopping (Alshop), as vendas referentes ao mês de dezembro avançaram 3,5% sobre igual intervalo de 2007.

Naquele ano, entretanto, o setor registrou o melhor desempenho em 10 anos, com crescimento na casa dos 10%.

Já a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) informou um crescimento de 1,65% sobre 2007 no movimento de vendas registrado entre 1º e 25 de dezembro. Apesar da alta, o desempenho mostrou desaceleração significativa, já que o crescimento no ano passado ficou em 7,9%.


Tags: , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email