Evite afogamentos no verão

bombeiros-afogamento

Com o início do verão e aumento da temperatura nesta época do ano, a procura pelo Litoral, piscinas, lagos, rios e até cavas cresce de forma significativa. Conseqüentemente, aumenta o número de afogamentos neste época do ano.

E foi pensando em evitar ocorrências de fatos trágicos do gênero que o comandante do Corpo de Bombeiros de Apucarana, capitão Hemerson Saqueta, deu algumas dicas de segurança para todos que pensam em se resfrescar nas águas, com atenção especial às crianças.

“São recomendações simples, mas que podem ajudar a evitar que vidas sejam perdidas”, frisou Saqueta.

Lembre das orientações do Corpo de Bombeiros antes de entrar na água

– Evite entrar na água após ter consumido alimentos pesados – Procure nadar longe de pedras, piêres e embarcações.

– Se entrar em uma correnteza, nade transversalmente a ela e peça socorro.

– Não deixe crianças sozinhas na água.

– Os banhistas que sabem nadar também devem estar atentos. Muitos se afogam por acreditarem que conhecem o local.

– Não nade em cavas, cachoeiras e rios

AFOGAMENTO – Um adolescente de 16 anos foi encontrado morto nesse domingo (28), no fim da tarde, na Baía de Paranaguá. Conforme informações iniciais do Corpo de Bombeiros, José de Souza Paiva nadava com amigos próximo a região de mangue no bairro Beira Rio. Ao tentar fazer a travessia a nado até uma ilha, afundou e não foi mais visto.

Segundo o Corpo de Bombeiros, foram utilizadas duas embarcações e um helicóptero na busca do rapaz, que foi encontrado morto às 17h50 (43 minutos depois do afogamento).
Essa foi a segunda morte por afogamento na temporada. A primeira foi a de Ademir Gonçalves, morto na última terça-feira (23) quando caiu no mar após o leme de sua embarcação quebrar. O acidente também aconteceu na baía de Guaratuba. Na temporada passada foram 17 mortes por afogamento.

SALVAMENTOS
– Desde o início da Operação Verão, no dia 19 de dezembro, foram feitos 254 salvamentos. O sábado (28), foi um dos dias com mais registros. Os bombeiros atenderam a 40 casos de risco de afogamento. Desses, 21 só em Pontal do Paraná.


Tags: , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (2 votos, média: 3,00 de 5)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email