Uma foto vale mais do que mil tiros. Quase sempre.

Uma foto vale mais do que mil tiros. Quase sempre.

Uma foto vale mais do que mil tiros. Quase sempre.

“Choque – Missões Singulares”. Conheça este livro de arte, com fotos de tirar o fôlego retratando o dia-a-dia e o espírito do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Estado de São Paulo

O dedo indicador de uma mão já foi responsável por grandes mudanças na história da humanidade, seja puxando gatilhos de armas em revoluções, seja pressionando o botão de uma máquina fotográfica e eternizando um momento. É raro encontrar uma pessoa que domina estas duas habilidades. Há alguns meses tive o privilégio de conhecer Luis Augusto Pacheco Ambar, Major do Batalhão de Choque da Polícia Militar da São Paulo e que possui esses dois dons e por isso mesmo seu equipamento padrão de trabalho é composto por uma pistola calibre .40 e sua inseparável máquina fotográfica Nikkon.
A capacidade do Major Ambar em observar e capturar momentos únicos e transformá-los em obras de arte já lhe rendeu vários prêmios. Recentemente ele lançou um belíssimo livro de arte sobre as atividades do Batalhão de Choque intitulado: “Choque – Missões Singulares”, uma daquelas obras que temos orgulho em deixar em casa, sobre a mesa da sala de estar.
“O objetivo inicial era fazer um registro fotográfico interno das atividades do Policiamento de Choque para manter nossa memória. Quando vimos os primeiros resultados e observamos que as reações internas foram tão positivas, nasceu a ideia de usar estas imagens para aproximar o Choque da população, divulgar nossas atividades, os múltiplos serviços que prestamos para a sociedade. Alguém sugeriu a ideia de juntar todas essas fotos num livro de arte e usá-lo como um cartão de visitas do Choque. Foi assim que nasceu o “Choque – Missões Singulares”, explica Ambar.

O livro de capa dura com 200 páginas, contem 222 de fotos incríveis, impressas em papel de alta gramatura, que retratam com precisão a vida e o espírito dos homens e mulheres que servem nos cinco Batalhões de Choque do Estado de São Paulo. São imagens de tirar o folego!
O Coronel Nivaldo Cesar Restivo, Comandante do Policiamento de Choque, resume a obra da seguinte forma: “O Policiamento de Choque reúne algumas das mais especializadas, difíceis e gratificantes funções atribuídas a um órgão de Segurança Pública. Com esse livro, buscamos apresentar alguns momentos de nossas intervenções, uma obra para ser vista, apreciada e protegida como parte da nossa memória institucional”

Ao perguntar ao Major como ele concilia o trabalho de Policial com a fotografia, ele respondeu: “As duas atividades possuem elementos muito parecidos. Como qualquer Policial Militar, preciso ter uma noção apurada do tempo e espaço ao meu redor, processar múltiplas informações, filtrar as mais relevantes e tomar decisões instantâneas, sem margem de erro. A fotografia demanda estas mesmas qualidades: olhar atento aos detalhes, persistência e paciência em esperar o momento ideal para agir.”
Para conhecer mais sobre o “Choque – Missões Singulares” e adquirir um exemplar da edição limitada, mande um email para: Ambardressage@hotmail.com
Fonte: Último Segundo/Brasil/Ig. São Paulo


Tags: , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email