Governo de SP abre 3.771 vagas para o programa Bolsa Universidade

Governo de SP abre 3.771 vagas para o programa Bolsa Universidade

Governo de SP abre 3.771 vagas para o programa Bolsa Universidade

Secretaria estadual de Educação irá custear 50% do valor da mensalidade do curso, com limite de R$ 500; selecionados terão de atuar no Escola da Família


O governo de São Paulo anunciou a abertura da primeira chamada do programa Bolsa Universidade para 2017. Segundo a secretaria estadual de Educação, serão oferecidas 3.771 vagas para universitários de diferentes áreas, incluindo saúde, cultura, esporte e trabalho.

Em contrapartida, o governo exige dos selecionados que atuem aos fins de semana (sábado ou domingo) em uma das 2,3 mil unidades que participam do programa Escola da Família. O cadastro para os interessados deve ser feito entre 6 e 15 de março no site do projeto.

Para concorrer a uma das vagas do Bolsa Universidade , o candidato deve estar regularmente matriculado em um curso de graduação em instituição privada de ensino superior que seja conveniada com a secretaria; não ser beneficiário de outra bolsa de estudos ou financiamento; e ter disponibilidade para cumprir a carga, que é de oito horas.
As regras do programa preveem que a secretaria irá custear 50% do valor da mensalidade do curso, até o limite fixado em R$ 500,00. O restante é assumido pelas instituições de ensino superior parceiras. A proposta é que os universitários participem de ações para um público variado (incluindo crianças, adolescentes, adultos e idosos) e também auxiliem o trabalho desenvolvido pelos voluntários nas oficinas. Todos são supervisionados de perto pelos professores e coordenadores das unidades públicas.

Os estudantes que forem selecionados terão de fazer a inscrição pela internet e apresentar na Diretoria de Ensino todos os documentos que são exigidos no regulamento. A pasta informa que os alunos classificados serão encaminhados a uma escola estadual de acordo com a pontuação, a quantidade de vagas disponíveis no curso de graduação e o número de vagas por regional. A lista de espera tem validade de um ano.
Escola da Família
O número de atividades desenvolvidas e de participantes registrados no programa Escola da Família vem aumentando ano a ano, segundo nota divulgada pela secretaria estadual de Educação.

De acordo com informações do governo de São Paulo , em 2014 foram 1.877.965 atividades com 31.712.269 participações. No ano passado, foram 2.418.137 ações e 44.928.346 visitantes. Um crescimento de 28,7% e 41,6%, respectivamente.

Fonte: Último Segundo/Educação/Ig. São paulo


Tags: , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email