Fies: MEC divulga regras para ocupação de vagas remanescentes

Fies: MEC divulga regras para ocupação de vagas remanescentes

Fies: MEC divulga regras para ocupação de vagas remanescentes

Mantenedoras de instituições de ensino devem informar os cursos nos quais não houve formação de turma a partir desta quinta-feira até dia 14 de março


O Ministério da Educação (MEC) publicou as regras para a ocupação de vagas remanescentes do processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) referente ao primeiro semestre de 2017.

Segundo a portaria publicada na edição desta quinta-feira (9) do  Diário Oficial da União , as mantenedoras de instituições de ensino participantes da seleção devem acessar o Sistema Informatizado do Fies (Sisfies) para informar os cursos nos quais não houve formação de turma a partir desta quinta-feira (9) até a próxima terça-feira, dia 14 de março.
De acordo com o MEC, os procedimentos e prazos para inscrição dos candidatos às vagas remanescentes serão divulgados posteriormente.
Lista de espera
O prazo de pré-seleção da lista de espera do Fundo de Financiamento Estudantil, que se encerraria na sexta-feira (3), foi prorrogado para o dia 17 de março . O objetivo, segundo o Ministério da Educação é ampliar as oportunidades de financiamento para os alunos. As alterações foram publicadas no Diário Oficial da União da última sexta-feira (3).
Os estudantes devem seguir consultando o site do programa para verificar se aparecem entre os pré-selecionados. Quem estiver na lista deve acessar SisFies e efetivar a inscrição no prazo de cinco dias úteis, a contar da divulgação do resultado no sistema.

Após essa etapa, o estudante e seus fiadores (se for o caso) tem dez dias para formalizar a contratação do financiamento. No ato da inscrição, deve-se escolher a instituição bancária, assim como a agência de sua preferência, sendo o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal os atuais agentes financeiros do programa.
Financiamento
O programa do Ministério da Educação é destinado a financiar prioritariamente estudantes de cursos de graduação que comprovem renda bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa da família. Para o primeiro semestre deste ano, são ofertadas 150 mil novas vagas.
Além da comprovação de renda bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa da família, o candidato ao programa a participação em alguma edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, nota mínima de 450 pontos nas provas de conhecimentos do exame e nota superior a zero na redação.

A contratação do financiamento estudantil é voltada aos estudantes regularmente matriculados em instituições de ensino não gratuitas cadastradas no programa, em cursos com avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). O Fies é operado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Fonte: Úlrtimo Segundo/Educação/Ig. São paaulo


Tags: , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email