Ministério da Educação abre inscrições para cursos gratuitos de idiomas

Ministério da Educação abre inscrições para cursos gratuitos de idiomas

Ministério da Educação abre inscrições para cursos gratuitos de idiomas

Serão oferecidas aulas de alemão e japonês para alunos de graduação e pós stricto sensu, professores e técnicos das universidades participantes


O MEC (Ministério da Educação) anunciou que irá abrir inscrições para o programa IsF (Idiomas sem Fronteiras). Serão oferecidos cursos gratuitos de alemão (virtual) e de japonês (presencial). Os editais foram publicados na edição desta terça-feira (25) do Diário Oficial da União.
Podem concorrer estudantes de graduação e pós-graduação stricto sensu, professores e técnicos das universidades participantes. As inscrições devem ser feitas pela internet, na página do programa Idiomas sem Fronteiras, entre as 12h desta quinta-feira (27) e 12h do dia 8 de maio. O resultado da seleção será divulgado no dia 11 de maio, e as aulas terão início em 15 do mesmo mês.
De acordo com o MEC , as aulas terão como foco o desenvolvimento de habilidades linguísticas com fins acadêmicos e a preparação para os exames de proficiência nas duas línguas. A quantidade de vagas ofertadas varia de acordo com a universidade, bem como os locais e horários dos encontros presenciais.
“Os cursos são oferecidos em continuidade a ações iniciadas no ano passado, em parceria com a Fundação DAAD [Deutscher Akademischer Austauschdienst, organização alemã de intercâmbio] e a Fundação Japão [vinculada ao Ministério das Relações Exteriores do Japão], ambas responsáveis pela execução”, afirma a presidente do núcleo gestor do IsF, Denise Abreu e Lima.
As aulas são ministradas somente em universidades com a infraestrutura necessária e que ofertam o curso de letras-japonês ou letras-alemão. “Neste momento, estamos priorizando as universidades que já têm a infraestrutura, mas a ideia é estruturar o programa para ampliá-lo no futuro”, acrescentou.
Características
O curso de alemão tem carga horária total de 32 horas. Serão ofertados os níveis A1.1 e A1.2 do Quadro Europeu Comum de Referência nas universidades de São Paulo (USP), Estadual Paulista (Unesp), Federal da Bahia (UFBA), Federal de Campina Grande (UFCG), Federal de Minas Gerais (UFMG), Federal de Santa Catarina (UFSC), Federal de Santa Maria (UFSM), Federal do Ceará (UFC), Federal do Paraná (UFPR), Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Federal Fluminense (UFF
Para o curso de japonês, será ofertado o nível A1, também com carga horária total de 32 horas, em cinco instituições: Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade de Brasília (UnB), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).
Mais informações sobre o Idiomas sem Fronteiras podem ser acessadas no site do programa
Fonte: Último Segundo/Educação/Ig. São Paulo


Tags: , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email