Orkut completa 5 anos sendo acessado por 70% dos brasileiros

Ele mudou a internet brasileira. Alterou destinos também. Foi o cupido de Ana Paula Almeida, 21 anos, e Fernando Sebben, 23, que se conheceram pelo site, marcaram um encontro e namoram há quase quatro anos. Mas, no caso de Thiele Abud, 19 anos, desfez dois de seus relacionamentos.

Aniversário do orkut

Com essa descrição, não fica difícil imaginar o que está por trás disso. É o Orkut, portal de maior audiência no país que completou cinco anos nesse final de semana sendo acessado por sete em cada 10 internautas no Brasil.

Na internet, só uma coisa o brasileiro faz mais do que navegar pelo Orkut: pesquisas no Google, que também é o dono do site de relacionamentos.

– O Orkut virou sinônimo de internet no Brasil. É de longe o portal mais acessado no país tanto em quantidade de pessoas que o usam quanto em tempo que passam nele – afirma José Calazans, analista de mídia do Ibope/NetRatings.

Redes sociais são mania em todo o mundo. Apesar de ser o site de relacionamentos queridinho dos brasileiros, o Orkut é praticamente desconhecido nos Estados Unidos e na Europa. Nesses países, outros portais com uma proposta parecida, de juntar os amigos e participar de comunidades sobre determinado tema, é que despontam. Facebook e MySpace são os principais.

Em dezembro, 17,2 milhões de pessoas acessaram o Orkut nos lares brasileiros, o que significa sete em cada 10 internautas residenciais. Em média, cada usuário gasta quatro horas e 40 minutos por mês no site, visitando cerca de mil páginas (como perfis, comunidades e álbuns de recados), segundo o Ibope/NetRatings.

Para Ana Paula e Fernando, o papel do Orkut foi o de formador do casal:

– Até hoje, a gente discute quem adicionou quem no Orkut. Vi as fotos dele, achei interessante. Depois marcamos encontro em um shopping, um lugar movimentado – conta a jovem, que se precaveu sobre os perigos de conhecer pessoalmente alguém com quem se conversa na internet.

Eficiente para aproximar pessoas, o Orkut também tem poder para estremecer relacionamentos. A estudante de enfermagem Thiele descobriu pelo site que o namorado tinha outra:

– Passei a desconfiar dos recados que deixavam. Em um dos casos, a guria tinha até fotos com meu namorado no álbum. No Orkut, não tem como esconder essas coisas.

Os brasileiros tomaram conta do Orkut ainda em 2004, ultrapassando os Estados Unidos em número de usuários, antes mesmo de o site ter versão em português. Em setembro de 2005, segundo o Ibope/NetRatings, o portal já era utilizado pela metade dos internautas residenciais brasileiros, 6 milhões de pessoas à época:

– Tudo que faz sucesso na internet cresce logo. Em 2005, a audiência do Orkut não crescia, pulava – diz José Calazans, analista da instituição.

Para o especialista, o Orkut ganhou essas dimensões no país porque foi a rede social que o brasileiro descobriu primeiro. Um segundo fator era a necessidade de receber um convite para participar, o que aguçava a curiosidade.

Desde o final de 2007, a audiência do portal segue estável em torno de 70% da internet residencial brasileira. Em 2008, a rede ganhou “fôlego novo”, na opinião da pesquisadora Raquel Recuero, da Universidade Católica de Pelotas, com o projeto OpenSocial, que permitiu aos usuários do Orkut instalarem miniaplicativos em seus perfis. Para a pesquisadora, este foi outro grande momento na trajetória da rede social.

Fonte:clicrbs


Tags: , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email