Conheça os efeitos dos remédios para ressaca tomados sem orientação médica

Como o aumento da ingestão de álcool durante as festas de Carnaval, as pessoas acabem utilizando medicamentos isentos de prescrição sem consultar um médico. O consumo de remédios para ressaca, por exemplo, apresenta um crescimento de 40% durante a maratona do carnaval.

Medicamentos

Mas, o uso exagerado de alguns medicamentos pode causar diversos danos à saúde. A Coordenadora Farmacêutica da Rede Farmais, Dafne Estevão Carvalho dá algumas orientações sobre os perigos e a correta utilização de alguns tipos de medicamentos a fim de acabar com os efeitos indesejáveis da ressaca.

Os analgésicos geralmente são utilizados para o alívio de dores moderadas, como a dor de cabeça, por exemplo. A combinação desses medicamentos com outras drogas pode ser perigosa.

O uso concomitante desses medicamentos e de álcool pode causar tonteira, perda da coordenação motora e redução dos reflexos, o que piora ainda mais a situação do motorista embriagado.

O ácido acetilsalicílico, encontrado na Aspirina e em outros analgésicos, se combinado com álcool, pode causar irritação na mucosa gástrica e aumentar o risco de hemorragia gastrintestinal.

Já na interação de álcool com Paracetamol, princípio que é encontrado em medicamentos como o Tylenol, o risco de causar danos ao fígado é grande.

Fonte:minhavida


Tags: , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email