Conheça um pouco mais sobre febre amarela e tire suas dúvidas

Perguntas e repostas mais comuns sobre a doença febre amarela

mosquito

Quem deve ser vacinado?

Todas as pessoas acima dos nove meses de idade que morem nas cidades que integram a lista da área de risco no Estado ou que pretendam viajar para lá.

Quando deve ser feita a vacina?

Gaúchos devem ser imunizados tão logo a Secretaria Estadual da Saúde (SES) inclua as cidades onde moram na área de risco. Para quem pretende viajar para esses municípios, a vacina deve ser feita pelo menos 10 dias antes.

E quem viaja para a área de risco?

Quem já viajou ou precisa viajar para as áreas de risco sem estar vacinado, ou com a vacina feita há menos de 10 dias, deve evitar a proximidade a matas fechadas e rios, reforçar uso de repelentes e apelar para mosquiteiros, se for o caso.

Pretendo passar o feriado em área de risco, mas ainda não me vacinei. O que faço?

Você deve evitar entrar em zonas de mata. Em caso de não ter como evitar a permanência em áreas silvestres, deve procurar orientação médica e reforçar o uso de repelentes.

Pode faltar vacina nos postos de saúde?

Nos 272 municípios da área de risco, não deve faltar, porque a SES prioriza o envio de doses para estas cidades e realiza distribuição diária de novas vacinas. Se faltar em algum local, é devido a erros na distribuição. O governo do Estado recebeu um suplemento de um milhão de doses há menos de 15 dias.

Em quanto tempo devo tomar a vacina de novo?

Ela tem cobertura total de 10 anos e não precisa ser reforçada durante esse período. O ideal é que não se deixe passar muito tempo depois desse prazo de 10 anos.

Quem não deve ser vacinado?

Não devem ser vacinados gestantes (dada a chance de infecção ao feto), pessoas com HIV, leucemia e linfoma e quem está fazendo quimioterapia e radioterapia, alérgicos a ovo (já que a vacina é preparada em ovos embrionados), alérgicos ao antibiótico eritromicina e à gelatina (componentes da fórmula da vacina) e pessoas com antecedentes de reação alérgica a uma dose prévia da vacina antiamarílica.

Se estou muito gripada, com febre, posso tomar a vacina?

Se a pessoa estiver com muita febre e muito gripada, o melhor é não se vacinar naquele momento. Sempre que a pessoa estiver debilitada, com um quadro febril, o aconselhável é esperar.

Outras situações que afetam o sistema imunológico, como o herpes zoster, também seriam contraindicadas para a vacinação?

Em alguns casos, o herpes zoster pode indicar um quadro de imunodeficiência mais grave. Então, o ideal é esperar.

A vacina pode causar reação?

Sim, mas nem todas as pessoas sentem essa reação. De cinco a 10 dias depois da vacinação, podem aparecer sintomas como febre, dor de cabeça e dor muscular.

O que faço em caso de reação? Devo procurar o médico ou isso passa sem consequências?

Em caso de reação, o recomendável é o repouso. Os sintomas costumam passar sozinhos, em poucos dias. Somente se a situação se agravar você deve procurar um médico.

O que devo fazer se não posso me vacinar? Adianta usar repelente e roupas compridas?

O repelente e as roupas compridas são maneiras de se proteger. O mosquiteiro, à noite, também ajuda manter os mosquitos afastados.

A área de risco tem avançado rapidamente. O vírus vai chegar a Porto Alegre?

Não há como prever. Embora o risco não seja zero, é pouco provável.

Não seria necessário iniciar a vacinação o quanto antes para prevenção?

Não há necessidade e nem é indicado. Nos lugares onde o risco é remoto, fazer a vacina é ainda mais arriscado por causa das contraindicações.

Fonte:zerohora


Tags: , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email