Biblioteca Digital com acervo internacional é lançada pela Unesco

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e a Cultura (Unesco) lançou nesta terça-feira (21), em parceria com 32 instituições, a Biblioteca Digital Mundial. É uma página na internet com materiais culturais de bibliotecas e arquivos do mundo com versão em árabe, português, chinês, francês, inglês, russo e espanhol. Alguns conteúdos serão ainda em outros idiomas. Para a formação da biblioteca houve assistência técnica da Biblioteca da Alexandria, no Egito.

E-reader

A página contém manuscritos, mapas, livros, filmes e gravações raras, além de impressões e fotografias. O acesso do público a esse material será livre, sem restrições, segundo notícia publicada no site da Unesco. Descrições de cada item e vídeos elaboradas por curadores especializados contextualizarão os conteúdos com o objetivo de provocar a curiosidade dos usuários e incentivar as pessoas a saberem mais sobre o patrimônio cultural dos países.

O lançamento da Biblioteca ocorreu na sede da Unesco, em Paris, na França, com a presença de autoridades mundiais na área cultural e diplomática. A proposta de criação foi feita à Unesco pela primeira vez pelo bibliotecário do Congresso dos Estados Unidos, James H. Billington, em 2005. “Reunir pessoas através da celebração da singularidade e profundidade de culturas diferentes em um único esforço global”, justificou o bibliotecário.

A idéia é que a iniciativa também promova um entendimento internacional, amplie o volume e a variedade do conteúdo cultural na internet e ofereça recursos para educadores, acadêmicos e público em geral. Isso deve, segundo informações da Unesco, reduzir as diferenças digitais entre países por meio da capacitação. A Biblioteca Digital Mundial foi desenvolvida por uma equipa da Biblioteca do Congresso.

Além da assistência técnica da Biblioteca de Alexandria, outras instituições contribuíram com conteúdos e expertise. Isso inclui bibliotecas nacionais e instituições culturais e educacionais do Brasil, Egito, China, França, Iraque, Israel, Japão, Mali, México, Marrocos, Países Baixos, Catar, Rússia, Arábia Saudita, Sérvia, Eslováquia, Suécia, Uganda, Reino Unido e Estados Unidos.

Entre o conteúdo da Biblioteca Digital estão imagens de ossos de oráculos e epitáfios cedidas pela Biblioteca Nacional da China, manuscritos científicos árabes da Biblioteca e Arquivo Nacionais do Egito, fotos históricas da América Latina da Biblioteca Nacional do Brasil, a famosa “Bíblia do Demônio” do século XIII, da Biblioteca Nacional da Suécia, e trabalhos de caligrafia árabe, persa e turca da Biblioteca do Congresso dos EUA.

A biblioteca se encontra em www.wdl.org/pt

Fonte:dci


Tags: , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email