Intel é condenada a pagar quase 1,5 bilhão de dólares de multa pela União Européia

A Comissão Europeia aplicou à Intel uma multa recorde de 1,06 bilhão de euros (1,45 bilhão de dólares) nesta quarta-feira e ordenou que a companhia suspenda descontos ilegais e outras práticas comerciais abusivas utilizadas para tirar do mercado a rival AMD.

Intel

“Dado o fato de que a Intel prejudicou milhões de consumidores europeus ao agir deliberadamente para manter concorrentes afastados do mercado por mais de oito anos, o tamanho da multa não deveria constituir surpresa”, afirmou Neelie Kroes, a comissária da Competição da União Europeia, em briefing a jornalistas.

A empresa informou que vai recorrer da decisão.

O órgão executivo da União Europeia afirmou que a Intel pagou a fabricantes de computadores para que adiassem ou cancelassem planos de lançamento de produtos com chips da AMD, ofereceu descontos ilegais para que os fabricantes de PCs utilizassem apenas seus chips e pagou a uma grande cadeia de varejo para que mantivesse em estoque apenas máquinas equipadas com seus chips.

As autoridades ordenaram que a Intel “suspenda as práticas ilegais imediatamente, na medida em que ainda estejam em vigor”.

A Intel poderá continuar a oferecer descontos, desde que legais, afirmou a comissão.

Fonte:g1


Tags: , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email