Pirataria de software no Brasil é a mais baixa da América Latina

Apesar do que muitos pensam, o Brasil não está assim tão mal no que diz respeito a pirataria de software. Ou seria os outros países que estão muito pior?

O índice de pirataria de software no Brasil ainda supera os 50 por cento dos softwares vendidos e caiu apenas um ponto percentual em 2007 contra 2006, mas é o menor entre os vizinhos da América Latina e também dentro do bloco conhecido por BRIC (formado por Brasil, Rússia, Índia e China).

As perdas em receita para a indústria de software, entretanto, diante do crescimento anual desse mercado, foram maiores: 1,617 bilhão de dólares, ante as perdas de 1,148 bilhão no ano anterior.

Os membros da BSA (Business Software Alliance) estiveram reunidos com o governo brasileiro na quinta-feira. Para Frank Caramurú, diretor-geral da BSA no Brasil, o governo está bastante consciente, mas “o que falta é a conscientização” das pessoas para que o índice brasileiro caia ainda mais.

O país com menor nível de pirataria é os Estados Unidos, cujo índice em 2007 caiu 1 ponto percentual, para 20 por cento do total.

A Armênia foi em 2007 o país com mais alto índice de pirataria de software, de 93 por cento, ainda que tenha reduzido o percentual em 2 pontos sobre 2006.


Tags: , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email