Peugeot 207 Rally: o Peugeot 207 preparado para o Rali pela Peugeot Sport Brasil

Esqueça todas as siglas que designam versões de automóveis supostamente aventureiros. Com o novo 207 Rally, a coisa é séria. Trata-se de um legítimo carro de competição desenvolvido pela Peugeot Sport Brasil. Vendido por R$ 50 000, o modelo já vem pronto para competir, de preferência na Copa Peugeot, campeonato que a fabricante oferece aos proprietários sem custos adicionais, além de subsidiar peças sobressalentes e transporte do veículo para as etapas em todo país para quem correr 70% dos ralis da temporada.

peugeot 207 rally

Baseado no 207 de linha, o modelo preparado para correr na terra e na lama possui uma série de diferenças que o tornam um tanto interessante de dirigir. O motor 1.6 16V, que funciona apenas com álcool, gera 140 cv (o 207 convencional gera 113 cv) por conta da abertura do limite de giro, que passa de 7 000 rpm, além de mudanças no bico injetor e vela para lidar com as maiores temperaturas. O 207 Rally também vem com sistema de escape redimensionado, que rende um ronco digno de carro de corrida, diferencial mais curto e suspensão específica para competições nas quais saltos, solavancos e derrapagens são constantes. O veículo também dispensa os bancos traseiros e forração interna para reduzir o peso. Já o câmbio de 5 marchas é o mesmo do modelo original.

Ainda tem mais. A versão de corrida do 207 vem com rodas de liga leve aro 14” bem mais resistentes que as do modelo de série e os pneus de competição fornecidos pela Yokohama tem tamanho 185/65 R14. Outra diferença está no freio, que possui discos ventilados nas quatro rodas, porém, sem ABS. Como em competições desse gênero o piloto não sabe ao certo o que vem pela frente, acidentes acontecem com frequência. Para isso, o modelo vem com gaiola interna de proteção homologada pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e outros recursos como bancos concha da marca Sparco, três extintores de incêndio e reforços no tanque de combustível. Segundo a fabricante, nunca nenhum piloto se machucou na Copa Peugeot.

Fonte:carroonline


Tags: , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email

Comentários

  • Aldir Kleinke disse:

    Sou ex-piloto de teste e estou começando a correr no Rally de velocidade a começar nesse ano de 2011. Os carros preparados para Rally são de ótimas perfomances para pilotar. Claro que exige treino em várias situações de pista, tanto em terra como asfalto. Não esquecer também da preparação física para competir, porque exige muito do piloto. Muito treino , dedicação, disposição,determinação e disponibilidade.

  • Lucas Couture disse:

    Nos meios automobilísticos de competição temos um novo piloto de rally de velocidade, o qual está mostrando grande desenpenho e muita garra. Na continuidade das comnpetições tudo indica que irá se sobresair nas provas da rally. É um novato mas com grande talento..

  • Jovane Schin disse:

    Gostaria de mais informações dos carros de raly.

  • Carlos Galguera disse:

    O rally de velocidade tem excelentes pilotos destacando-se com técnicas e alguns iniciantes com grande habilidades e perfomance. Veremos logo se destacar na continuidade das provas.

  • Carlos Galguera disse:

    Realmente esse piloto paranaense iniciante está mostrando grande desempenho nas provas de Rally. Nos meios automobilísticos já se comenta sobre o desempenho desse novato, mostrando muita garra e determinação. Com certeza esta despontando nas competições.