Recessão na economia japonesa

A economia do Japão anunciou nesta segunda-feira (17; no Brasil, domingo,16) que entrou em recessão após registrar a segunda contração trimestral consecutiva entre julho e setembro de 0,4% em relação há um ano e 0,1% na comparação com o segundo trimestre, segundo informou o governo em um relatório preliminar.

Para entrar oficialmente em recessão, a economia de um país precisa “encolher” por dois trimestres seguidos.

No segundo trimestre, o PIB já havia sofrido uma contração de 0,9% em relação ao trimestre anterior, segundo dados oficiais revisados, também publicados nesta segunda-feira.

O resultado, segundo o governo, foi prejudicado por uma forte redução do investimento empresarial.

O anúncio de recessão segue o dos países da Europa que adotaram o euro como moeda única, que também anunciaram o segundo trimestre seguido de retração na sexta-feira pela primeira vez desde que o grupo foi criado, em 1999.

Neste fim de semana, líderes das 20 principais economias do mundo se reuniram em Washington para buscar soluções contra a crise. Ao final do encontro, eles divulgaram um comunicado conjunto com um plano de ações para evitar o agravamento de uma recessão global profunda.

Entre as recomendações anunciadas no documento, estão o pedido de reformulação do FMI e do Banco Mundial e a retomada da Rodada de Doha até o final do ano.


Tags: , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email