Conheça games para Kinect ou Project Natal do Xbox

O Kinect, conhecido como anteriormente como Project Natal, promete levar os movimentos dos jogadores para dentro dos games. E esta é a realidade, pois o acessório, que é composto por câmeras de vídeo e sensores de profundidade, consegue transportar a imagem do usuário para os jogos, criando inúmeras oportunidades para os desenvolvedores criarem títulos inéditos.

kinect

O G1 testou o acessório que será conectado ao console Xbox 360, da Microsoft, a partir do dia 4 de novembro, data marcada para o produto chegar às lojas de todo o mundo. No Brasil, a empresa afirma que tentará trazer o Kinect no mesmo mês e que o sistema. Uma das funções do aparelho que, embora não tenha preço oficial está sendo vendido em pré-venda por US$ 150, são os comandos de voz que terão compatibilidade com a língua portuguesa.

O primeiro game disponível para testar foi “Kinectimals”. O título voltado para o público infantil foca na interação do jogador com um pequeno animal que pode ser um tigre, uma onça ou uma pantera, por exemplo. A Microsoft venderá bichinhos de pelúcia destes animais que apresentarão um código especial. Ao colocá-los em frente ao Kinect, eles podem ser “transportados” ao game, permitindo que a criança comece a brincar imediatamente.

Ao começar o game, é necessário batizar o bichinho e esta ação é feita por meio de um comando de voz. O nome escolhido será utilizado em todo o game para chamar a atenção do animal e poder brincar com ele. Em seguida, o primeiro contato é feito com um afago: o jogador precisa esticar as mãos e simular que está fazendo carinho no bichinho na tela, que responde aos movimentos. Ele também aprende alguns truques imitando o que o “mestre”, no caso o gamer, faz. É possível deitar no chão, saltar e até se esconder e tudo o que ele aprender é apresentado em câmera lenta.

Alguns acessórios dentro do game ajudam a entreter o animalzinho. Ele pode pular corda, com o jogador movendo os braços como se realmente estivesse com o objeto em mãos, ou com uma bola. Há ainda uma série de atividades que melhoram os atributos do bichinho. É possível realizar uma corrida em um circuito com obstáculos, obrigado o jogador a “correr” ao lado do mascote. Este “correr” consiste em levantar as pernas alternadamente o mais rápido possível.

O Kinect terá uma linha de jogos que envolve minigames, corridas de carro e esportes, voltados para o público em geral. O foco dos games “Kinect adventures”, “Kinect joyride” e “Kinect sports” são as partidas ao lado de amigos. O mais interessante é que, para entrar na brincadeira, o outro jogador só precisa se posicionar ao lado do adversário.

Em “Kinect adventures”, o G1 testou um dos jogos que envolve ficar em cima de uma plataforma que anda por cima de trilhos. O objetivo é coletar o maior número de estrelas no caminho e desviar de obstáculos. A captura de movimentos para este game é bastante precisa e consegue levar à tela gestos como abrir os braços, se agachar, pular e andar para os lados.

Para pegar o máximo de itens na tela, é necessário fazer uma verdadeira ginástica corporal, abrindo e fechando os braços, ficando de pé e agachado. Há alguns obstáculos como paredes que exigem que se dê um passo para os lados. Para saber o tempo certo da manobra, o game apresenta um indicador na tela. Em alguns movimentos, no entanto, o acessório identificou que o jogador pulava, enquanto o que foi feito era apenas ter se levantado rapidamente. Os produtores afirmaram que o Kinect sofrerá alguns ajustes até seu lançamento.

Em “Joyride”, o jogador se transforma em um piloto de carros. No título, não é necessário nem acelerar, uma vez que o game faz isso para o jogador que, como trabalho, deve apenas colocar os braços para frente simulando que está com um volante em mãos. O controle se torna bastante simples uma vez que o usuário “entende” o quanto ele deve virar os braços para a esquerda e para a direita.

O “turbo”, uma pequena aceleração na velocidade do carro, é realizado com um movimento de trazer as mãos ao peito e esticar os braços rapidamente. Ele facilita os saltos e as manobras que o jogador pode fazer, o que garante mais pontos. As acrobacias são feitas ao se inclinar o corpo para todos os lados.

Kinect sports” promete levar alguns esportes para o Xbox 360 como atletismo, lançamento de dardos e até futebol. Na demonstração, apenas a corrida estava disponível. Nela, o jogador precisa correr rapidamente no mesmo lugar, levantando os joelhos como se realmente estivesse correndo. O sistema não capta uma “corridinha”, ou seja, tirando levemente os pés do chão. Ao pular, o jogador consegue saltar alguns dos obstáculos na pista de atletismo.

O Kinect ainda fotografa certos momentos da partida, mostrando o gamer em posições engraçadas.

Para os adultos
Depois de um dia estressante no trabalho, o título “Your shape: fitness evolved”, consegue relaxar o jogador. Por meio das câmeras do Kinect, o usuário é literalmente levado para dentro do game. Sua imagem aparece na tela e todas suas ações se manifestam no cenário, seja movendo algumas bolas, seja criando pétalas.

Com os braços, o jogador consegue navegar por uma série de menus que levam aos exercícios físicos e ao Tai Chi, para poder relaxar. Um treinador virtual aparece na tela e apresenta tudo o que deve ser feito. Para o jogador resta seguir os movimentos e, se algo é feito da maneira errada, ele avisa e tenta corrigir o “aluno”.

A Microsoft apresentou apenas a primeira linha de jogos para o Kinect e o tempo para testar cada título foi curto. Entretanto, quando o produto chegar às lojas em novembro, espera-se mais de 40 títulos disponíveis.

Fonte:g1


Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email

Comentários

  • Sr. dos Jogos disse:

    Muito legal a idéia da microsoft, e com certeza esse produto vai dar ainda mais o que falar e inspirar as concorrentes como a Sony e a Nintendo.
    Ainda tem muita coisa para se descobrir no mundo dos games, mas estamos caminhando a passos longos.