Miguel Falabella elogia Grazi na novela “Negócio da China”

Depois da crise com a saída de Fábio Assunção de ‘Negócio da China’, Miguel Falabella diz que é preciso “ir em frente” e aposta em Grazi como a atriz que “segurou uma onda” na turbulência que passou. Ele admite que foi ela quem apoiou Fábio Assunção e não o contrário, como ele esperava que acontecesse antes da estréia da novela.

– A vida é engraçada, justamente a Grazi, que não era a minha primeira opção para o papel de Lívia, foi quem segurou a onda toda. Ela cresce a cada dia, é de uma maturidade incrível. Ela foi o esteio do Fábio. Apesar de ele ter mais experiência, foi nela que ele se apoiou. Ela encarou situações difíceis, já que ele até desmaiou numa cena com ela. Grazi é centrada, deslumbrante, não é deslumbrada, não é boba, e é estudiosa. Estou encantado com ela. Temos que ir em frente, não podemos ficar parados no que não deu certo.

Miguel está animado escrevendo para Cláudia Jimenez. Ela será Violante Gonçalves, uma vigarista. O nome é uma homenagem a Dercy Gonçalves, que estrelou um filme nos anos 60 em que se chamava Violante (“Dona Violante Miranda”).

– Acho que acertei nesse convite. Essa personagem é engraçadíssima, vai se aproximar dos infelizes que irão até a gruta onde fica uma Nossa Senhora Desatadora dos Nós para dar seus golpes. Cláudia vai fazer comédia.


Tags: , , , , , , , , ,

Não encontrou o que queria? Pesquise abaixo no Google.


Para votar clique em quantas estrelas deseja para o artigo

RuimRegularBomMuito BomExcelente (Seja o primeiro a votar)
Loading...



Enviar postagem por email Enviar postagem por email